terça-feira, outubro 19Notícias Importantes
Shadow

Vacina da Oxford

Covid-19: Fiocruz recebe novos insumos e garante 5,3 milhões de doses até maio

Covid-19: Fiocruz recebe novos insumos e garante 5,3 milhões de doses até maio

Brasil, Covid-19, Notícias, Vacina da Oxford
A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) confirmou, na sexta-feira 2, o recebimento de mais 225 litros do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) para a produção da vacina da Oxford/AstraZeneca contra a covid-19. A entidade anunciou que, com o novo lote, será possível produzir 5,3 milhões de doses do imunizante até maio. Leia mais: “AstraZeneca revisa dados e diz que vacina tem 76% de eficácia contra covid-19” Nos últimos dias, a Fiocruz recebeu o equivalente a 23,5 milhões de doses. Até o momento, já foram produzidos 11 milhões de doses da vacina contra a covid-19. A instituição já disponibilizou ao Ministério da Saúde 8,1 milhões de doses para o Programa Nacional de Imunizações (PNI) do governo federal. Até julho deste ano, a expectativa é a de que o total de entregas seja de 100,4 milhões de dose...
Vacina da Oxford tem 79% de eficácia contra a covid-19

Vacina da Oxford tem 79% de eficácia contra a covid-19

AstraZeneca, coronavírus, Covid-19, Mundo, Notícias, Vacina da Oxford
A vacina contra o coronavírus desenvolvida pela Universidade de Oxford tem eficácia de 79% na prevenção de casos sintomáticos da covid-19. É o que mostram estudos feitos nos Estados Unidos, no Chile e no Peru, divulgados nesta segunda-feira, 22. O imunizante se mostrou seguro e teve 100% de eficácia nos casos graves, que necessitam de internação dos pacientes. “Tudo o que você precisa saber sobre a vacina da Oxford” As pesquisas foram feitas com 32 mil voluntários de diferentes faixas etárias. Com os novos dados, o laboratório AstraZeneca — responsável por financiar o produto da instituição britânica — deve solicitar autorização para uso emergencial nos Estados Unidos. No Brasil, a mercadoria teve o registro definitivo concedido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária em ma...
Vacina da Oxford: países retomam uso após aval da ‘Anvisa’ da UE

Vacina da Oxford: países retomam uso após aval da ‘Anvisa’ da UE

AstraZeneca, coronavírus, Covid-19, Mundo, Notícias, União Europeia, Vacina da Oxford
Onze países informaram que retomarão o uso da vacina contra a covid-19 desenvolvida pela Universidade de Oxford. O imunizante é patrocinado pela farmacêutica britânica AstraZeneca. Na quinta-feira 18, França, Alemanha, Espanha e Portugal voltaram a utilizar o produto. Apesar de também recuarem da decisão de suspender o antígeno, Holanda, Letônia, Lituânia, Bulgária, Chipre, Irlanda e Suécia ainda não anunciaram uma data específica para reaplicação. A medida foi tomada por essas nações depois que a “Anvisa” da União Europeia (EMA, na sigla original) atestou a segurança da mercadoria. Conforme noticiou Oeste, vários governantes suspenderam a vacina depois de suspeitas de coágulos sanguíneos em pacientes. “Tudo o que você precisa saber sobre a vacina da Oxford” No fim de semana passado, a Ast...
Dinamarca suspende uso da vacina da Oxford/AstraZeneca

Dinamarca suspende uso da vacina da Oxford/AstraZeneca

AstraZeneca, coronavírus, Mundo, Notícias, Vacina da Oxford
A Dinamarca suspendeu o uso da vacina contra a covid-19 produzida pela Universidade de Oxford em parceria com a farmacêutica AstraZeneca. A medida ocorre em virtude de relatos de alguns pacientes que desenvolveram coágulos sanguíneos após a imunização. Dias atrás, outros países da União Europeia (UE) suspenderam o uso de um lote específico da vacina. O ministro da Saúde dinamarquês, Magnus Heunicke, disse nesta quinta-feira, 11, que as autoridades estão procurando “sinais de um possível efeito colateral sério na forma de coágulos sanguíneos fatais”, embora tenha deixado claro que era uma “medida de precaução”, explicando que ainda não era possível concluir se os coágulos foram ocasionados pelo imunizante. “Agimos cedo. Isso precisa ser investigado minuciosamente”, disse Magnus, no Twitter....
Tudo o que você precisa saber sobre a vacina da Oxford

Tudo o que você precisa saber sobre a vacina da Oxford

Brasil, China, CoronaVac, coronavírus, Covid-19, Jair Bolsonaro, Notícias, Organização Mundial da Saúde (OMS), Vacina da Oxford
Eficácia média de 76%, custo baixo em relação às concorrentes, facilidade de logística e de conservação. Essa é a vacina contra a covid-19 desenvolvida pela Universidade de Oxford, que chegou ao Brasil em janeiro após o governo da Índia enviar dois milhões de unidades do produto. O país asiático abriga o Instituto Serum, maior produtor de imunizantes do mundo, e responsável por fabricar a mercadoria. Na terça-feira 23, o Ministério da Saúde (MS) recebeu o segundo lote de doses e passou a distribui-las, com a finalidade de acelerar a vacinação. A mais recente atualização do governo informa que 1,44 milhão de doses da Oxford já foram aplicadas. A verdade sobre a CoronaVac Apesar da boa notícia, o processo poderia ter começado muito antes, não fossem problemas técnicos, políticos e diplomátic...
Vacina da Oxford: Brasil terá 34 milhões de doses até março

Vacina da Oxford: Brasil terá 34 milhões de doses até março

China, coronavírus, Covax Facility, Covid-19, Ministério da Saúde, Notícias, Política, Saúde, Vacina da Oxford
Há duas semanas, dois milhões de unidades da vacina da Oxford importadas da Índia chegaram ao país Foto: Cadu Rolim/Estadão Conteúdo A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) deve entregar em março ao Ministério da Saúde 20 milhões de doses da vacina contra a covid-19 da Universidade de Oxford. É o que garantiu o vice-presidente de produção e inovação da Fiocruz, Marco Krieger. A leva será produzida com insumos da China, que devem chegar esta semana. Além disso, virá ao Brasil um lote de imunizantes da Oxford que o governo federal adquiriu por meio do consórcio Covax Facility (iniciativa de países para distribuir vacinas). “O Brasil recebeu a informação de que a primeira parcela dessa remessa do Covax, que é a mesma vacina que a Fiocruz produz, será enviada no mês de fevereiro. Teremos adicionalme...
Eleição no Congresso, leite condensado e vacinas

Eleição no Congresso, leite condensado e vacinas

Arthur Lira, Belo Horizonte, CoronaVac, David Almeida, economia, Eduardo Pazuello, Eletrobras, João Doria, leite condensado, luciano huck, manaus, Mundo, Notícias, novo coronavírus, Política, Vacina da Oxford
A semana foi cheia | Foto: Pedro França/Agência Senado O Brasil começou a semana sendo o 16º país que mais vacinou a população contra o novo coronavírus. O ministro da Economia, Paulo Guedes, voltou a defender que a imunização em massa garantirá o retorno seguro ao trabalho. Aos gritos de “queremos trabalhar”, comerciantes de Ubatuba fizeram um protesto contra o fechamento do comércio. Também na segunda-feira 26, o presidente da Eletrobras, Wilson Ferreira Júnior, decidiu renunciar ao cargo . Em São Paulo, o governador João Doria reuniu Temer, FHC e Sarney em evento pró-vacinação. Na terça-feira 26, o presidente Jair Bolsonaro anunciou que a China enviará ao Brasil 5,4 mil litros de insumos para a produção da CoronaVac. O ministro do Supremo Tribunal Federal Ricardo Lewandowski a...
Covid-19: Anvisa recebe pedido de registro definitivo da vacina da Oxford

Covid-19: Anvisa recebe pedido de registro definitivo da vacina da Oxford

Anvisa, coronavírus, Notícias, Saúde, Vacina da Oxford
Foto: Cadu Rolim/Estadão Conteúdo A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) comunicou nesta sexta-feira, 29, que recebeu o pedido de registro definitivo da vacina produzida pela Universidade de Oxford e pela farmacêutica britânica AstraZeneca, em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). O pedido de registro definitivo é diferente da autorização de uso emergencial, já obtida pelo consórcio. Enquanto, com a última, a imunização pode ser feita apenas em grupos específicos, na permissão definitiva o grupo responsável pelo imunizante pode vacinar qualquer indivíduo e comercializar o produto. A autorização emergencial teve sua análise realizada em cerca de dez dias; já o registro definitivo tem um processo de avaliação mais longo, de até 60 dias. Em comunicado, a agência declaro...
Covid-19: agência europeia dá aval para a vacina da Oxford/AstraZeneca

Covid-19: agência europeia dá aval para a vacina da Oxford/AstraZeneca

AstraZeneca, coronavírus, Mundo, Notícias, Saúde, Vacina da Oxford
Foto: Cadu Rolim/Estadão Conteúdo A Agência Europeia de Medicamentos (EMA, na sigla em inglês) recomendou nesta sexta-feira, 29, o uso da vacina da Oxford contra a covid-19 na União Europeia. O próximo passo antes do início da distribuição e aplicação das doses do imunizante para os 27 países do bloco é uma autorização da Comissão Europeia. A segurança e a eficácia da vacina da Oxford foram avaliadas em quatro ensaios com voluntários humanos, mas a EMA informou que baseou a recomendação de uso apenas em dois ensaios, feitos no Brasil e no Reino Unido. Segundo a agência, os outros dois estudos tiveram apenas seis casos de covid-19 entre os participantes. A recomendação do uso foi feita para pessoas a partir de 18 anos de idade. Além disso, a EMA também considerou a aplicação da vacina em du...
Índia priorizou Brasil no fornecimento de vacinas, informa cônsul-geral

Índia priorizou Brasil no fornecimento de vacinas, informa cônsul-geral

coronavírus, Notícias, vacina, Vacina da Oxford
Amit Kumar Mishra é consul-geral da Índia em São Paulo | Foto: Reprodução/Twitter Maior produtor de vacinas do planeta, a Índia priorizou o Brasil para o fornecimento de vacinas contra a covid-19, afirmou o cônsul-geral do país em São Paulo, Amit Kumar Mishra. Logo após ter distribuído doses de maneira assistencial a 9 países vizinhos de maneira a de proteger as próprias fronteiras e expandir sua presença na região do Sudeste Asiático, os indianos enviaram ao Brasil o primeiro lote de 2 milhões de doses do imunizante contra a covid-19 produzidos pelo Instituto Serum, o maior fabricante de vacinas do mundo. Apesar disso, a Índia frustrou os planos do Brasil ao não ter liberado as doses com antecedência — a expectativa do governo brasileiro era receber a vacina da AstraZeneca/Oxford no domin...
× Como posso te ajudar?