segunda-feira, julho 26Notícias Importantes
Shadow

CoronaVac

Eficácia da CoronaVac pode chegar a 62,3% com intervalo de mais de 21 dias entre doses

Eficácia da CoronaVac pode chegar a 62,3% com intervalo de mais de 21 dias entre doses

Brasil, CoronaVac, Notícias
No último domingo,11, o Instituto Butantan divulgou os resultados do estudo clínico final sobre a CoronaVac. Segundo a pesquisa, a eficácia do imunizante pode chegar a 62,3% com um intervalo superior a 21 dias entre a aplicação da primeira e a segunda dose. De acordo com o diretor médico de pesquisa clínica do Instituto Butantan, Ricardo Palacios, a recomendação para os serviços de saúde é que orientem as pessoas a retornar para a segunda aplicação da CoronaVac com um intervalo de 28 dias entre as doses. Leia também: “CoronaVac tem 80% de eficácia contra morte, revela pesquisa do Chile” -Publicidade- A pesquisa anunciada no domingo passado foi conduzida pelo Instituto Butantan, em parceria com o laboratório chinês Sinovac. Os resultados também apontaram que, para os casos que requerem as...
CoronaVac: Anvisa apura denúncias de frascos com doses a menos

CoronaVac: Anvisa apura denúncias de frascos com doses a menos

Brasil, CoronaVac, Instituto Butantan, Notícias, Sinovac
Lotes da vacina contra a covid-19 CoronaVac podem ter sido entregues com a quantidade inferior à informada. É o que está apurando a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A investigação começou ontem depois de denúncias de 15 Estados. O carregamento na mira dos peritos é referente a março e abril. Em nota, o Instituto Butantan negou falhas no envasamento do imunizante e atribuiu o problema à extração incorreta do conteúdo antes da aplicação. Próxima do governador de São Paulo, João Doria (PSDB), a entidade tem parceria com a fabricante chinesa SinoVac, responsável pelo produto. “CoronaVac tem baixa eficácia, admite autoridade chinesa” -Publicidade- Integrantes de secretárias de saúde vêm relatando que as unidades da mercadoria chinesa possuem menos do que as 10 doses prevista...
Instituto Butantan entrega mais 1 milhão de doses da CoronaVac

Instituto Butantan entrega mais 1 milhão de doses da CoronaVac

Brasil, Butantan, CoronaVac, coronavírus, Covid-19, Instituto Butantan, Ministério da Saúde, Notícias, vacina
O Instituto Butantan liberou nesta quarta-feira, 14, mais uma remessa com 1 milhão de doses da CoronaVac, a vacina produzida pelo instituto em parceria com o laboratório chinês Sinovac. Os imunizantes foram disponibilizados ao Programa Nacional de Imunizações (PNI) do Ministério da Saúde. Leia mais: “Atraso na chegada dos insumos faz Butantan suspender envase da CoronaVac” -Publicidade- Com o novo carregamento, o total de doses disponibilizadas pelo Butantan ao governo federal chegou a 40,7 milhões desde o início das entregas, no dia 17 de janeiro. Segundo o instituto, até o fim de abril, a expectativa é a de que esse montante chegue a 46 milhões e, até agosto, a 100 milhões de doses no total. Mais dois envios de 2,5 milhões de doses cada devem ser efetuados nos dias 19 e 21. Na semana p...
China recua de declarações acerca da CoronaVac

China recua de declarações acerca da CoronaVac

China, CoronaVac, coronavírus, Covid-19, Mundo, Notícias
Depois de informar que a eficácia de suas vacinas é baixa, o diretor do Centro de Controle e Prevenção de Doenças da China, Gao Fu, recuou e disse que foi mal interpretado. No sábado 10, ele declarou que os imunizantes CoronaVac e Sinopharm não têm índices de proteção muito altos. Depois do assunto repercutir em vários jornais, ele contornou a polêmica. “As taxas de proteção de todas as vacinas no mundo às vezes são altas, e às vezes baixas. Como melhorar sua eficácia é uma questão que precisa ser considerada por cientistas de todo o mundo”, declarou Gao, no domingo 11, ao jornal Global Times. A publicação é controlada pelo Partido Comunista (PCC). Um dia antes, o especialista havia informado que o PCC estuda misturar os produtos de modo a aumentar a potência contra a covid-19. Conforme o ...
CoronaVac tem baixa eficácia, admite autoridade chinesa

CoronaVac tem baixa eficácia, admite autoridade chinesa

Brasil, China, CoronaVac, coronavírus, Covid-19, Mundo, Notícias, Sinopharm, Sinovac
Gao Fu, diretor do Centro Chinês para Controle e Prevenção de Doenças (CDC), informou que as vacinas chinesas contra a covid-19 têm baixa eficácia. Hoje, o país possui dois imunizantes no mercado distribuídos a 22 nações: a CoronaVac (já em aplicação no Brasil) e a Sinopharm. Dessa forma, o Partido Comunista da China (PCC) avalia misturar os produtos de modo a aumentar o potencial das mercadorias. “As vacinas chinesas não têm taxas de proteção muito altas”, declarou o chefe do CDC, em uma coletiva de imprensa em Chengdu, realizada no sábado 10. “Está sendo formalmente avaliado se devemos usar diferentes vacinas de diferentes linhas técnicas para o processo de imunização”, acrescentou Gao Fu. No evento, representantes do CDC anteciparam à imprensa que o PCC está trabalhando no desenvolvimen...
China intensifica vacinação no país e atrasa exportação dos insumos da CoronaVac

China intensifica vacinação no país e atrasa exportação dos insumos da CoronaVac

China, CoronaVac, coronavírus, EUA, Mundo, Notícias
A China decidiu priorizar a vacinação contra a covid-19 no país para superar os números atingidos pelos Estados Unidos, que alcançaram 4 milhões ao dia, segundo informações da CNN Brasil. A meta é imunizar 40% da população até junho, o que daria 5 milhões de chineses por dia. Essa seria a principal razão para a aparente trava na exportação do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA), insumo essencial para a fabricação de imunizantes contra a covid-19 em outros países — é o caso do Brasil, que vacina sua população com dois imunizantes: o de Oxford e o da CoronaVac, que depende do ingrediente importado. Ontem, quarta-feira 7, o Instituto Butantan suspendeu a produção de novas doses do imunizante chinês diante da falta de insumos, conforme noticiou Oeste. Leia também: “Em 2020, investimento estra...
Estudo no Chile mostra que vacinados com CoronaVac têm baixa quantidade de anticorpos

Estudo no Chile mostra que vacinados com CoronaVac têm baixa quantidade de anticorpos

Butantan, Chile, CoronaVac, Covid-19, Instituto Butantan, Mundo, Notícias, vacina chinesa
Um estudo conduzido por pesquisadores chilenos e da Sinovac — laboratório chinês que produziu a CoronaVac, vacina aplicada também no Brasil — indica que as pessoas vacinadas com o imunizante desenvolveram anticorpos para a covid-19, mas em baixa quantidade. As informações foram publicadas pelo biólogo Fernando Reinach em sua coluna deste sábado, 3, no jornal O Estado de S.Paulo. Leia mais: “Butantan entrega mais 3,4 milhões de doses da CoronaVac” Os dados coletados fazem parte dos estudos de fase 3 da CoronaVac no Chile e ainda são preliminares (clique aqui para ler o estudo). Dele participaram 434 pessoas, mas as análises de imunogenicidade foram feitas em apenas 190 voluntários. Destes, 173 tinham de 18 a 59 anos, e 17, 60 anos ou mais. Entre os mais jovens, 132 receberam a CoronaVac, e ...
Mourão toma a primeira dose de vacina contra covid-19

Mourão toma a primeira dose de vacina contra covid-19

Brasil, CoronaVac, Covid-19, Hamilton Mourão, Notícias, vacina
O vice-presidente Hamilton Mourão, de 67 anos, recebeu nesta segunda-feira, 29, a primeira dose da vacina contra a covid-19. Ele foi vacinado com a CoronaVac, vacina produzida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan. “Hoje fiz minha parte como cidadão consciente e recebi a primeira dose da vacina contra a Covid-19 (Coronavac). Espero que, em breve, o maior número possível de vacinas chegue à população brasileira”, escreveu Mourão em sua conta pessoal no Twitter. Hoje fiz minha parte como cidadão consciente e recebi a primeira dose da vacina contra a COVID-19 (Coronavac). Espero que, em breve, o maior número possível de vacinas chegue à população brasileira. pic.twitter.com/xZGN5NExvT — General Hamilton Mourão (@GeneralMourao) March 29, 2021 ...
ButanVac é alternativa no caso de a vacina chinesa ser ineficaz

ButanVac é alternativa no caso de a vacina chinesa ser ineficaz

Brasil, CoronaVac, coronavírus, Covid-19, Instituto Butantan, Notícias
Fernando Reinach, Phd em biologia celular e molecular, argumenta que a ButanVac é um plano b no caso de a vacina chinesa se mostrar ineficaz. O imunizante “100% nacional” contra a covid-19 foi anunciado ontem pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB). “Por que o Butantan resolveu recomeçar do zero quando já envasa no Brasil quase um milhão de doses da Coronavac por dia?”, perguntou Reinach, em artigo publicado no jornal O Estado de S. Paulo. O especialista levanta três pontos para responder à pergunta. 1- “Além da promessa de uma fábrica prevista para este ano, mas que ficará pronta em 2022, o Butantan ainda deve à sociedade o cumprimento de outras promessas. A primeira é a publicação científica que demonstra a eficácia da CoronaVac na fase 3 executada no ano passado. Além disso, fal...
Governo distribui mais 5 milhões de vacinas e pede que todas sejam usadas na primeira dose

Governo distribui mais 5 milhões de vacinas e pede que todas sejam usadas na primeira dose

Brasil, CoronaVac, Covid-19, Ministério da Saúde, Notícias, vacinação
O Ministério da Saúde anunciou neste sábado, 20, que começará a distribuição de mais 5 milhões de doses de vacinas contra a covid-19 para todo o país. Segundo a pasta, a orientação agora é para que estados e municípios utilizem todos esses imunizantes na primeira dose da vacinação, para que o maior número possível de brasileiros seja vacinado em um momento crítico da pandemia no país. Leia mais: “Brasil negocia com os Estados Unidos importação de vacinas de Oxford” A expectativa é que as doses sejam distribuídas até domingo 21, de forma proporcional, para todos os Estados do Brasil. De acordo com comunicado do ministério, a nova remessa conta com vacinas produzidas pela Universidade de Oxford em parceria com a AstraZeneca e também pelo Instituto Butantan com o laboratório chinês Sinovac (a...
× Como posso te ajudar?