segunda-feira, novembro 29Notícias Importantes
Shadow

Anvisa vai vistoriar fábricas da Covaxin e da Sputnik V em março

A Anvisa vai inspecionar no início de março as fábricas de mais duas vacinas contra a covid-19 que são candidatas a serem utilizadas no Brasil: Covaxin e Sputnik V. As indústrias ficam na Índia e em Guarulhos (SP), respectivamente. Nenhum dos imunizantes possui autorização de uso emergencial ou registro definitivo no país.

As vistorias fazem parte do processo para que a agência dê sinal verde para o uso dos imunizantes. Se as fábricas estiverem dentro do padrão esperado, receberão o Certificado de Boas Práticas de Fabricação (CBPF).

Leia mais: “Há 5 meses da Olímpiada, Japão aprova 1ª vacina contra a covid-19”

A viagens dos técnicos da Anvisa para a Índia deve acontecer entre os dias 1 e 5 de março.

A União Química, responsável pela vacina Sputnik V no Brasil, solicitou a certificação da fábrica de Guarulhos (SP), onde pretende realizar a formulação e o envase do imunizante. A Agência agendou a vistoria para o período de 8 a 12 de março. A certificação para os locais de fabricação do IFA, o insumo farmacêutico ativo, no Distrito Federal e na Rússia, não foi solicitada até o momento.

CBPF

O Certificado de Boas Práticas de Fabricação é um documento emitido pela Anvisa atestando que determinado local de produção cumpre com as recomendações e normas de fabricação definidas pela agência.

O processo de certificação envolve desde a verificação das instalações e dos equipamentos até a garantia da qualidade e a avaliação de risco de cada etapa produtiva. Por isso, a Anvisa e as demais autoridades sanitárias do mundo avaliam as boas práticas de fabricação em cada local de produção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?