domingo, setembro 25Notícias Importantes
Shadow

projeto

Projeto permite a idoso deduzir do IR gasto com remédio

Projeto permite a idoso deduzir do IR gasto com remédio

idoso, IR, Política, projeto
O Projeto de Lei 251/21 permite deduzir do Imposto de Renda as despesas com medicamentos para uso próprio de aposentados e pensionistas com 60 anos ou mais. Para que valha a dedução, o gasto deverá ser comprovado com receituário médico e nota fiscal em nome do beneficiário. A proposta, do deputado Roberto de Lucena (Pode-SP), tramita na Câmara dos Deputados. Lucena lembra que a legislação tributária já permite a dedução de algumas despesas com saúde, mas pretende ampliar as possibilidades para beneficiar os idosos. “Trata-se de contrassenso permitir a dedução de despesas com médicos e não contemplar os medicamentos, haja vista a frequência com que um paciente sai de uma consulta orientado a se remediar, principalmente quando se trata de um idoso”, analisa o parlamentar. A proposta acrescen...
‘Rejeitar o aborto não significa rejeitar aqueles que fizeram aborto’: Padre Frank Pavone

‘Rejeitar o aborto não significa rejeitar aqueles que fizeram aborto’: Padre Frank Pavone

Aborto, destaques, Filmes, Igreja, padre, projeto
‘Rejeitar o aborto não significa rejeitar aqueles que fizeram aborto’: Padre Frank Pavone ORLANDO, Flórida – Padre Frank Pavone, que já foi nomeado um dos “100 melhores católicos do século”, atuou como consultor para o novo filme “Roe v. Wade”. Embora seu objetivo seja mudar a opinião daqueles que são pró-escolha, ele disse que é importante para a Igreja não rejeitar aqueles que já fizeram abortos ou trabalham na indústria do aborto. Pavone, que também é o diretor nacional de Priests for Life e presidente do National Pro-Life Religious Council , participou da estreia do filme “Roe v. Wade” realizada na Conferência de Ação Política Conservadora anual em 26 de fevereiro. Enquanto estava lá, Pavone disse ao The Christian Post que o filme pró-vida tem uma mensagem pode...
Com novo produtor musical, André e Felipe gravam projeto com um estilo mais pop congregacional

Com novo produtor musical, André e Felipe gravam projeto com um estilo mais pop congregacional

Entretenimento, projeto
Ed Oliver, um dos grandes nomes da produção musical, assina o novo trabalho da duplaAndré e Felipe. Além de produtor, Ed é arranjador, músico e compositor e já trabalhoupara Aline Barros, Ton Carfi, Isaias Saad entre outros grandes nomes da música nacional. Enesta nova produção da dupla, Ed imprimiu o estilo pop congregacional ao projeto, queserá lançado em breve.Ed diz que se sentiu muito honrado com o convite e conta que, ao ouvir o repertório dosirmãos paranaenses, notou que muita coisa que eles cantavam voz e violão já emocionavaaté mesmo mais do que uma megaprodução. “Por esse motivo, optei por fazer um trabalhomais acústico no qual obviamente temos outros elementos também, mas, em característicadas músicas, sempre um violão junto com a voz deles. É perceptível o quanto se emocionasem...
Senado francês barra reprodução assistida para lésbicas e solteiras

Senado francês barra reprodução assistida para lésbicas e solteiras

Mulheres, Mundo, projeto
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 1 RFI – O Senado aprovou na madrugada desta quinta-feira (4) a nova lei de bioética no país, sem sua medida mais emblemática: o direito à reprodução assistida aos casais de lésbicas e às mulheres solteiras, uma promessa do presidente Emmanuel Macron. O texto também passa a proibir a conservação voluntária de óvulos pelas mulheres para fins reprodutivos.A votação no plenário do Senado ocorreu após dois dias de intensos debates, com direito a momentos de confusão. Na noite de terça-feira (2), o artigo 1˚, que tratava sobre a “PMA pour toutes” (Reprodução Assistida para Todas), foi retirado do documento. CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 2 Sob protestos da oposição de centro e esquerda, que se absteve ou votou contra a nova versão, o texto foi aprovado pela ...
Senado aprova projeto que cria nova Lei de Licitações

Senado aprova projeto que cria nova Lei de Licitações

Antonio Anastasia, licitações, nova Lei de Licitações, Política, Presidente da República, projeto, senado, Senado projeto nova Lei de Licitações
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE Em sessão remota nesta quinta-feira (10), o Plenário do Senado aprovou o Projeto de Lei (PL) 4.253/2020, que cria um novo marco legal para substituir a Lei das Licitações (Lei 8.666/1993), a Lei do Pregão (Lei 10.520/2002) e o Regime Diferenciado de Contratações (RDC – Lei 12.462/11), além de agregar temas relacionados. O texto, relatado pelo senador Antonio Anastasia (PSD-MG), vai agora à sanção do presidente da República.O texto aprovado é o substitutivo elaborado pela Câmara dos Deputados ao Projeto de Lei do Senado (PLS) 559/2013. Entre outras medidas, o substitutivo cria modalidades de contratação, tipifica crimes relacionados a licitações e disciplina itens do assunto em relação às três esferas de governo: União, estados e municípios. CO...
Covid-19: Deputado quer proibir vacinação obrigatória

Covid-19: Deputado quer proibir vacinação obrigatória

Covid-19, Destaque, Notícias, novo coronavírus, PL, projeto, vacina, vacinação, vacinação obrigatória
Heitor Freire (PSL-CE) apresentou proposta à Câmara dos Deputados O deputado federal Heitor Freire, do PSL do Ceará | Foto: Michel Jesus/Câmara dos Deputados O deputado federal Heitor Freire (PSL-CE) é autor de projeto de lei (PL) que proíbe a obrigatoriedade de vacinação contra a covid-19 no Brasil. Em proposta encaminhada à Mesa Diretora da Câmara dos Deputados, ele visa alterações na Lei Nacional da Quarentena, em vigor no país desde fevereiro deste ano. Leia mais: “Pfizer: governo estuda obter 70 milhões de doses da vacina” Freire defende mudanças em trecho da lei a respeito da possibilidade de medidas compulsórias serem implementadas por autoridades em ações de combate à disseminação do novo coronavírus. Além da vacina em si, o parlamentar busca apoio para excluir do texto a obrigato...
Senado dá primeiro passo para autonomia do BC

Senado dá primeiro passo para autonomia do BC

autonomia, banco central, BC, Destaque, Notícias, projeto, senado
Projeto prevê mandatos fixos para o presidente e os diretores do órgão Foto: Agência Brasil O Senado Federal deu o primeiro passo em prol da autonomia do Banco Central (BC). Em votação finalizada na noite de terça-feira, 3, o plenário aprovou o texto apresentado pelo relator do Projeto de Lei Complementar (PLP) 19/2019, Telmário Mota (Pros-RR). O conteúdo defende mandatos fixos de quatro anos para o presidente e os oito diretores da instituição responsável pela condução das políticas econômicas do país. Leia mais: “Perguntas e mais perguntas sobre o Pix” O projeto aprovado pela maioria do Senado, por 56 a 12 votos, oficializa a autonomia do BC em relação ao Poder Executivo. Caso seja aprovado em definitivo — o texto será encaminhado agora para a Câmara dos Deputados —, o tema impede o pre...
Esquerda votou contra Lei do Gás: veja o voto de cada deputado

Esquerda votou contra Lei do Gás: veja o voto de cada deputado

Destaque, economia, Notícias, projeto
As mudanças devem atrair R$ 60 bilhões em investimentos ao longo de cinco anos e quatro milhões de empregos Ao todo, foram 351 votos a favor da proposta e 101 contrários | Foto: Michel Jesus/Câmara dos Deputados A Câmara dos Deputados aprovou na noite da terça-feira, 1º, o projeto da nova Lei do Gás, que agora vai ao Senado. A medida abre o setor para a iniciativa privada. As mudanças vão atrair R$ 60 bilhões em investimentos ao longo de cinco anos e quatro milhões de empregos, conforme o relator da proposta, deputado Laercio Oliveira (PP-SE). Ao todo, foram 351 votos a favor da proposta e 101 contrários. Apenas os partidos de esquerda orientaram contra o projeto: PT, PSB, PDT, Psol e PCdoB. Veja como cada deputado votou: Deputado Partido UF Voto Abílio Santana PL BA S...
Saciando a fome dos sem teto

Saciando a fome dos sem teto

Artigos Teológicos, atual, ATUALIDADES, comunhão, DH, Igreja, Igreja Adventista, projeto, Uncategorized
Voluntários amenizam a fome de moradores em situação de rua de Belo Horizonte (MG). Através do projeto “Marmitando com amor”, da Igreja Adventista, mais de 100 pessoas foram beneficiadas com refeições Para quem não tem casa em tempos em que o isolamento é essencial para a proteção do coronavírus, a solidariedade da igreja tem feito a diferença. Em Belo Horizonte (MG), um grupo de voluntários da Igreja Adventista tem saído às ruas para entregar marmitas e saciando a fome dos sem teto. No fim de semana da Páscoa, o grupo distribuiu mais de 100 marmitas pelas ruas do bairro Funcionários. O alimento é fruto de doações da Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais (ADRA) e dos próprios envolvidos.Há quatro anos o grupo já realiza esse trabalho, chamado de projeto “Marmitan...
× Como posso te ajudar?