segunda-feira, julho 26Notícias Importantes
Shadow

Argentina

Argentina detecta 4 casos de variantes brasileiras

Argentina detecta 4 casos de variantes brasileiras

Argentina, Mundo, variantes brasileiras
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 1 O governo da Argentina confirmou nesta segunda-feira (8) a detecção de quatro casos do novo coronavírus ligados a variantes surgidas no Brasil. Em seu perfil no Twitter, o ministro da Saúde, Gines González García, disse que tratam-se de dois contágios pela variante P.1, que emergiu no Amazonas, e dois pela variante P.2, identificada pela primeira vez no Rio de Janeiro. CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 2 “Recentemente, detectou-se a variante do Amazonas P.1 em duas amostras e a variante do Rio de Janeiro P.2 em outros dois viajantes. Todos eles provenientes do Brasil”, escreveu García. Segundo o ministro, isso reitera a “importância de uma vigilância epidemiológica genômica para monitorar a introdução” de mutações do coronavírus Sars-CoV-2 na Argentina. CONT...
Fome aumenta na Argentina: pessoas fazem fila para receber sobras de padaria

Fome aumenta na Argentina: pessoas fazem fila para receber sobras de padaria

Argentina, ATUALIDADES, Notícias, pandemia, Política
O quadro econômico da Argentina é cada vez mais preocupante. O país platino, que vive crises econômicas sucessivas, teve a sua situação ainda mais agravada com a chegada da pandemia. O desemprego e a pobreza dispararam. A economia argentina está quase indo a bancarrota, com mais de 42 mil pequenas e médias empresas sendo obrigadas a fechar as portas desde março. Nas redes sociais, a jornalista Maria Laura Assis compartilhou com os internautas um vídeo que mostra a realidade difícil que vem vivendo o povo argentino. Na publicação, pessoas fazem longa filas para receberem sobras de uma padaria. A fome aumenta na Argentina. As pessoas fazem longas filas para receberem as mercadorias do dia anterior que sobraram de uma padaria.📍Buenos Aires, Constitución. pic.twitter.com/1z3jKz26j1— Maria ...
Na Argentina, médicos se recusam a realizar abortos

Na Argentina, médicos se recusam a realizar abortos

Aborto, Alberto Fernández, Argentina, ATUALIDADES, Notícias, Política
Na Argentina, médicos estão se recusando a realizar o procedimento de aborto, prática legalizada no país desde o final do ano passado, a qual permite que mães possam optar pela interrupção da gravidez até a 14° semana de gestação. Segundo a CNN Brasil, metade dos médicos do hospital argentino Alberto Antranik Eurnekian Zonal, um dos principais hospitais públicos da Grande Buenos Aires, estão se recusando a realizar aborto em mulheres que solicitam o procedimento. Para justificar esse posicionamento, os profissionais de saúde alegam objeção de consciência, conceito defendido em códigos de ética da medicina, que concede o direito a todo profissional de seguir princípios religiosos, morais ou éticos de sua consciência. “Entre os serviços de Ginecologia e Obstetrícia, que são os únicos en...
Presidente da Argentina busca novo acordo com o FMI

Presidente da Argentina busca novo acordo com o FMI

Alberto Fernández, Argentina, Mundo, Notícias
A vez mais recente que o país recorreu ao FMI foi no governo Maurício Macri (2015-2019) | Foto: Reprodução/Twitter O presidente da Argentina, Alberto Fernández, quer um novo acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI). Ao Wall Street Journal, o ministro da Economia, Martin Guzmán, admitiu que está negociando com o órgão um empréstimo de US$ 44 bilhões. A vez mais recente que o país recorreu ao FMI foi no governo Maurício Macri (2015-2019). Durante as eleições federais, o então candidato à presidência Alberto Fernández criticou o fundo e a medida do chefe do Executivo. De modo a conseguir os recursos, a atual gestão planeja reduzir o déficit orçamentário do país latino-americano este ano para 6% do Produto Interno Bruto, de 8,5% em 2020. Paralelamente, Fernández e o FMI estão em conver...
Presidente da Argentina anuncia ‘toque de recolher’

Presidente da Argentina anuncia ‘toque de recolher’

Alberto Fernández, Argentina, coronavírus, Covid-19, Mundo, Notícias
Alberto Fernández afirma que a medida servirá para conter o aumento de casos de coronavírus O presidente da Argentina, Alberto Fernández | Foto: Divulgação/Alberto Fernández/ Instagram O presidente da Argentina, Alberto Fernández, anunciou que vai impor “toque de recolher” no país para conter o avanço do vírus chinês. Até então, apenas algumas províncias haviam decretado a medida, conforme noticiou Oeste. A decisão do chefe do Executivo foi tomada, na quinta-feira 7. Nos próximos dias, o governo restringirá a circulação noturna de pessoas, das 23h00 às 06h00. Recentemente, a Argentina viveu o maior lockdown do mundo. Apesar do isolamento radical, é o 12º país com mais casos de coronavírus (1,6 milhão) e mortes (44 mil) por covid-19, segundo balanço da Universidade Johns Hopkins. Além dis...
Na Argentina, 400 doses da vacina russa são descartadas

Na Argentina, 400 doses da vacina russa são descartadas

Argentina, coronavírus, Covid-19, Mundo, Notícias, Sputnik V
Governo suspeita que houve sabotagem No mês passado, o país recebeu 300 mil doses da Sputnik V | Foto: Adriana Toffetti/Estadão Conteúdo O governo argentino descartou 400 doses da vacina experimental russa contra a covid-19, a Sputnik V. As unidades ficaram fora da refrigeração necessária. Técnicos do Ministério da Saúde desconfiam de uma ação intencional para sabotar o processo de imunização no país, que teve início em 29 de dezembro. “Na madrugada, foi registrada uma sabotagem no Hospital provincial de Oncologia Luciano Fortabat, da cidade de Olavarría, devido à perda da cadeia de frio de 400 doses da vacina Sputnik V por fatos de extrema gravidade”, informou a pasta, na segunda-feira 4. O caso ocorreu no Hospital Provincial de Oncologia Luciano Fortabat, da cidade de Olavarría, a 350 q...
Marco Feliciano detona papa por silêncio sobre legalização do aborto na Argentina

Marco Feliciano detona papa por silêncio sobre legalização do aborto na Argentina

Aborto, Argentina, ATUALIDADES, crianças, cristãos, Notícias, Papa, Política
Nesta segunda-feira (03), por meio das redes sociais, o parlamentar Marco Feliciano detonou o papa Francisco pelo silêncio diante da legalização do aborto na Argentina. As críticas realizadas por Feliciano foram feitas ao comentar uma notícia em que o papa desaprovou as pessoas que viajaram durante a pandemia. “O Papa Francisco ficou triste por pessoas viajarem em meio à quarentena. Mas pelo seu silêncio, não ficou triste com a legalização do aborto na Argentina, sua terra natal. Talvez pra ele, adultos precisam mais de proteção do que bebês indefesos” — disse Marco Feliciano, que também é pastor evangélico. Há poucos dias, o Senado da Argentina sacramentou a aprovação do procedimento de interrupção de gravidez no país. A medida, de inciativa do Poder Executivo, já tinha sido aprovada ...
Opositor do presidente Bolsonaro, jornalista faz consulta sobre o aborto e 73,9% dizem ser contra

Opositor do presidente Bolsonaro, jornalista faz consulta sobre o aborto e 73,9% dizem ser contra

Aborto, Argentina, ATUALIDADES, Bolsonaro, Notícias, Política
Opositor do Governo Bolsonaro, o jornalista Ricardo Noblat realizou nesta sábado uma consulta sobre a posição das pessoas acerca do aborto. O meio usado para o levantamento foi o Twitter. Famoso por ter passagens pelos principais veículos de comunicação do país, o jornalista questionou o que os internautas achavam da legalização do aborto. O levantamento contou com os votos de 23.621 pessoas. Cerca de 26,1% opinaram a favor da legalização de tal prática; mas a imensa maioria das pessoas consultadas, em torno de 73,9%, disseram ser contra. O que você acha da legalização do aborto?— Blog do Noblat (@BlogdoNoblat) January 2, 2021 A temática do aborto ganhou bastante relevância nos últimos dias após o Congresso da Argentina legalizar o procedimento para gestantes com até 14 semanas de...
Bolsonaro é elogiado por entidade italiana após se posicionar contra o aborto

Bolsonaro é elogiado por entidade italiana após se posicionar contra o aborto

Aborto, Argentina, Bolsonaro, Notícias, Política
Nesta quinta-feira, a Ação Cristã Evangélica da Itália elogiou o presidente Jair Bolsonaro por condenar a decisão do Congresso da Argentina de legalizar o aborto. O presidente brasileiro lamentou e afirmou que “a vida das crianças serão ceifadas com a anuência do Estado”. – Lamento profundamente pelas vidas das crianças argentinas, agora sujeitas a serem ceifadas no ventre de suas mães com anuência do Estado. No que depender de mim e do meu governo, o aborto jamais será aprovado em nosso solo. Lutaremos sempre para proteger a vida dos inocentes!— Jair M. Bolsonaro (@jairbolsonaro) December 30, 2020 “Expressamos nosso agradecimento pelas palavras do presidente do Brasil, condenando duramente a legalização do aborto na Argentina. Ele é verdadeiro líder que defende os valores cristãos e a...
‘No que depender de mim, aborto jamais será aprovado’, diz Bolsonaro

‘No que depender de mim, aborto jamais será aprovado’, diz Bolsonaro

Aborto, Argentina, destaques, Jair Bolsonaro
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE No início da noite desta quarta-feira (30), o presidente Jair Bolsonaro lamentou a aprovação da legalização do aborto na Argentina. Segundo o chefe do executivo, no que depender dele, “jamais será aprovado” no Brasil.  “Lamento profundamente pelas vidas das crianças argentinas, agora sujeitas a serem ceifadas no ventre de suas mães com anuência do Estado. No que depender de mim e do meu governo, o aborto jamais será aprovado em nosso solo. Lutaremos sempre para proteger a vida dos inocentes!”, escreveu Bolsonaro no Twitter. CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE O Senado da Argentina aprovou, na madrugada desta quarta-feira (30), o direito de a mulher optar pelo aborto até a 14ª semana de gestação. A decisão teve 38 votos a favor e 29 contra, além de 1 abstenç...
× Como posso te ajudar?