sexta-feira, setembro 24Notícias Importantes
Shadow

Fome aumenta na Argentina: pessoas fazem fila para receber sobras de padaria

O quadro econômico da Argentina é cada vez mais preocupante. O país platino, que vive crises econômicas sucessivas, teve a sua situação ainda mais agravada com a chegada da pandemia. O desemprego e a pobreza dispararam. A economia argentina está quase indo a bancarrota, com mais de 42 mil pequenas e médias empresas sendo obrigadas a fechar as portas desde março.

Nas redes sociais, a jornalista Maria Laura Assis compartilhou com os internautas um vídeo que mostra a realidade difícil que vem vivendo o povo argentino. Na publicação, pessoas fazem longa filas para receberem sobras de uma padaria.

Todas as noites antes do fechamento do estabelecimento, os funcionários saem para distribuir o que sobrou de alimento.

“Antes eram 20 pessoas, agora temos 300, muitos são clientes daqui. Dizem que ficaram sem trabalho e vêm pedir para levar a família” — conta uma das funcionárias ao jornal argentino El Siglo.

“Estar na Argentina significa ter muitas crises, com quedas e altas no consumo, quedas e altas na lucratividade, e é preciso ir lidando com tudo isso. Temos alma de empreendedores, mas isto agora é diferente, tudo fechou. Receita zero” — disse o comerciante Federico Cillarroca.

O Produto Interno Bruto (PIB) da Argentina caiu 19,1% no segundo trimestre do ano, o maior colapso desde 1981.

De acordo com Observatório da Dívida Social da Universidade Católica Argentina (UCA), a pobreza na Argentina atingiu 44,2% da população no fim de 2020.

Fonte: Pleno News

× Como posso te ajudar?