quarta-feira, abril 24Notícias Importantes
Shadow

Bolsonaro sobre caso Adélio: “Acho que dá para chegar nos mandantes”; “A Polícia Federal vai desvendar esse crime”

Na noite desta sexta-feirante, durante um breve encontro com apoiadores na chegada ao Palácio da Alvorada, o presidente Jair Bolsonaro falou sobre o ‘caso Adélio’.

O presidente brasileiro disse não acreditar que o militante da extrema-esquerda tenha agido por conta própria. Segundo ele, Adélio foi usado para tentar matá-lo.

“Tudo que eu sei é que não foi da cabeça dele. Ele foi um instrumento para tentar me matar, só isso, mais nada. Acho que dá para chegar nos mandantes” — disse Bolsonaro. “Acredito que a Polícia Federal vai desvendar esse crime um dia” — acrescentou.

Nesta semana, a CNN Brasil revelou que o presidente se reuniu com o novo diretor-geral da Polícia Federal, Paulo Maiurino, na semana passada, em Brasília. Durante o encontro, ele teria pedido teria pedido para que Maiurino descubra o suposto mandante da facada que recebeu durante campanha presidencial em Juiz de Fora (MG), em 2018.

Relacionado: Bolsonaro manda novo diretor da Polícia Federal reabrir o caso Adélio e descobrir suposto mandante

Veja a fala do presidente:

[embedded content]

× Como posso te ajudar?