segunda-feira, junho 27Notícias Importantes
Shadow

Procuradores da Lava-Jato divulgam vídeo em defesa de Dallagnol

Ex-coordenador da força-tarefa de Curitiba será julgado novamente pelo CNMP nesta terça-feira

procuradores, deltan dallagnol, operação lava jato cnmp, stf, gilmar mendes, celso de mello

Procuradores da Lava Jato gravaram vídeo em defesa de Deltan Dallagnol
Foto: Geoff Lister/Wikimedia Commons

Os procuradores da Operação Lava Jato se uniram e divulgaram, neste domingo, 6, um vídeo em defesa do ex-coordenador da força-tarefa de Curitiba, Deltan Dallagnol.

O procurador voltará a ser julgado na próxima terça-feira, 8, pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), por manifestações feitas nas redes sociais. Como quando pediu que a votação para a presidência do Senado fosse realizada de maneira aberta, o que incomodou o então candidato à reeleição Renan Calheiros (DEM-AL).

A questão já foi analisada anteriormente pelo CNMP, que, após análise, rechaçou o processo. No Supremo Tribunal Federal (STF), a questão foi julgada pelo decano Celso de Mello, que também reconheceu que não havia por que continuar com o caso.

“(…) a garantia à livre manifestação do pensamento – um dos dogmas estruturantes do Estado democrático de Direito – revela-se como elemento fundamental ao exercício independente das funções do Ministério Público, cuja voz não pode ser calada, sob pena de grave transgressão ao interesse público”, apontou o ministro em um dos trechos da decisão.

Leia também: Quem vai mandar na Lava Jato?

Contudo, o ministro Gilmar Mendes revogou a determinação do colega sob a alegação de que incerteza do prazo de prescrição para sanções a Deltan no caso justificaria a retomada do processo no CNMP. Por isso, o novo julgamento e o protesto dos colegas.

Veja abaixo o vídeo gravado pelos procuradores, que começa com a participação do substituto de Dallagnol em Curitiba, Alessandro Oliveira.

[embedded content]

Não perca: Cinco perguntas para a procuradora Thaméa Danelon

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?