quinta-feira, agosto 11Notícias Importantes
Shadow

“Nosso povo está se aproximando de Deus”, diz líder cristão no Iraque

Igrejas suspenderam encontros por causa do coronavírus, mas não perderam a fé em Cristo. Saiba mais!

A covid-19 não escolhe as vítimas nem os países de propagação, ela está presente em território cheio de tecnologia e desenvolvimento e também em meio aos escombros de um local afetado por constante conflitos, como o Iraque.

Apesar das pessoas terem que se isolar em casa desde 4 de março, a comunhão entre os irmãos não cessou no território. De acordo com Daniel, líder cristão em Erbil e Kirkuk, a medida foi necessária para prevenir o contágio entre a população. “Não temos um bom sistema de saúde, então a prevenção é a única maneira de nos protegermos”, comenta.

Apesar de várias pessoas manifestarem o desejo de frequentar novamente as igrejas, o líder Poulos lembra que a ação é necessária no momento. “Por enquanto, temos que dizer a elas para ficar em casa e seguir as orações pela transmissão ao vivo na internet”, explica.

Em Qaraqosh, algumas igrejas uniram as forças e transmitem diariamente os momentos de oração. Até os antigos cristãos que frequentavam o local e migraram para outros lugares estão acompanhando a programação ao vivo.

Serviços de Limpeza 

Em Karamles, Thabet é um líder cristão que distribui produtos desinfetantes para os cristãos que frequentam a igreja. Além disso, ele coordena a limpeza das ruas e do edifício religioso. A COVID-19 não foi capaz de pegar os iraquianos de surpresa, pois eles já passaram por muitos outros problemas.

“Nesta crise, somos novamente lembrados de quão fracos somos como seres humanos e quanto precisamos da salvação do Senhor”, diz o líder Ammar. Ele aponta que a igreja é o local onde os discípulos de Jesus estão. “Podemos não ter nossa igreja grande, mas devemos fazer da nossa casa uma igreja pequena”, explica.

Da mesma forma a leitura da Bíblia vêm aumentando. “O Senhor nos ensinou a entrar em nossos aposentos e orar. Com a crise atual, nosso povo está se aproximando de Deus e está mais comprometido em ler a Bíblia e orar em casa”, diz Poulos.

Os líderes cristãos sabem que os tempos são difíceis, mas estão de acordo quando o assunto é o efeito positivo da adversidade.

*Da Redação, com informações de Portas Abertas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?