sexta-feira, junho 14Notícias Importantes
Shadow

Nas redes sociais, esquerdistas criticam Adélio Bispo por não ter conseguido assassinar Bolsonaro

Nesta quarta-feira (03), em Uberlândia-MG, a Polícia Militar prendeu um meliante acusado de fazer apologia a crime contra a vida do Presidente da República, Jair Bolsonaro. Em publicação no Twitter, o sujeito, que é identificado como sendo João Reginaldo da Silva Júnior, citou a visita do presidente à cidade e incitou que demais indivíduos pudessem cometer um atentado contra o mandatário. “Gente, Bolsonaro em Udia (sic) amanhã… Alguém fecha virar herói nacional?” — escreveu o meliante.

Não obstante, nesta semana, essa não foi nem de longe a única mensagem de ódio postada nas redes sociais por esquerdistas contra a vida do presidente. Se aproveitando dos últimos números de óbitos pela covid no Brasil, esquerdistas passaram a fazer correlação entre o montante de mortos pelo novo vírus e o fato de Bolsonaro ter sobrevivido ao atentado realizado por Adélio Bispo, militante da extrema esquerda. Para esses esquerdistas, se Bolsonaro tivesse morrido durante o atentado, o número de pessoas mortas pela covid seria menor.

Veja algumas postagens:

× Como posso te ajudar?