sábado, abril 17Notícias Importantes
Shadow

Gilmar suspende investigações de advogados de Lula, Witzel e Frederick Wassef

Na tarde deste sábado (3), o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu suspender as investigações realizadas no âmbito da Operação E$quema S, realizada no dia 9 de setembro, que apura supostos desvios no Sistema S, baseada em delação do ex-presidente da Fecomércio, Orlando Diniz. Informação foi divulgada pelo jornal ‘Folha de S.Paulo’.

Marcelo Bretas ordenou, no início de setembro, o cumprimento de 75 mandados de busca e apreensão em endereços de empresas, escritórios e residências de advogados. Além de suspender a ação, Gilmar impediu que o juiz Bretas tome qualquer nova decisão no caso. 

Os advogados Cristiano Zanin e Roberto Teixeira (advogados do ex-presidente Lula), Frederick Wassef (ex-defensor da família Bolsonaro), Ana Tereza Basílio (defesa do governador do Rio Wilson Witzel), foram alvos, assim como filhos de ministros do Superior Tribunal de Justiça.

Na denúncia apresentada, a Operação Lava Jato no Rio detalhou a investigação sobre um suposto esquema que teria desviado pelo menos R$150 milhões, segundo estima a força-tarefa, do chamado ‘Sistema S’ fluminense (no caso, Sesc e Senac) e da Federação do Comércio (Fecomércio/RJ) entre os anos de 2012 e 2018.

Deixe uma resposta

× Como posso te ajudar?
%d blogueiros gostam disto: