terça-feira, outubro 19Notícias Importantes
Shadow

Deputado petista insulta Bolsonaro e sessão termina em briga: ‘Se ele é geno*, você é vagabundo’

Durante sessão da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados, nesta quarta-feira, o parlamentar Paulo Teixeira (PT-SP) infringiu possivelmente à Lei de Segurança Nacional. O petista chamou o presidente Jair Bolsonaro de genocida e deu a entender que o chefe do Poder Executivo tem um projeto para matar pessoas.

“Esse presidente [Bolsonaro] é genocida, porque todos os atos que ele cometeu foi um projeto de matar pessoas. Então, ele é um genocida e quem o defende comunga dos seus atos e palavras. Ele tem que ser julgado criminalmente” — disparou Teixeira.

Neste momento, o deputado Carlos Jordy (PSL-RJ), aliado do presidente da República, reagiu à declaração do petista e o chamou de vagabundo.

“Se ele [Bolsonaro] é um genocida, você é um vagabundo” — afirmou Jordy, que passou a discutir com Paulo Teixeira e outros parlamentares. “Você é um vagabundo. Você é um cúmplice de vagabundo. Ladrão!” — exclamou o aliado do presidente em reação à fala de seu colega petista.

A presidente da Comissão, Bia Kicis, tentou intervir no bate-boca, mas sem sucesso. Veja o vídeo:

[embedded content]

× Como posso te ajudar?