segunda-feira, outubro 26Notícias Importantes
Shadow

Bolsonaro trocou de cirurgião após descobrir que o médico já proferiu críticas contra ele

O presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, às vésperas da cirurgia para a retirada de uma pedra de sua bexiga, achou melhor trocar o cirurgião que ficaria responsável pelo seu procedimento.

A operação estava marcada para ser realizada no Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, com o urologista Miguel Srougi. O ato, no entanto, foi feito pelo também urologista Leonardo Borges, no Hospital Albert Einstein, onde o Chefe de Estado já esteve internado outrora, quando se recuperar após sofrer um atentado em Juiz de Fora, por Adélio Bispo.

Leia também: Após aparecer no Jornal Nacional, Sikêra Júnior debocha de Bonner: “Quando quiser”

A decisão do mandatário em optar por trocar de profissional veio após chegar ao seu conhecimento que o médico anterior, já havia feito críticas severas à seu governo, principalmente com relação à condução da pandemia. Vale ressaltar que o médico em questão já realizou procedimentos em ex-presidentes, como o petista Luiz Inácio Lula da Silva e Michel Temer (MDB).

Em maio deste ano, em entrevista concedida ao UOL, Miguel externou a sua opinião acerca da atitude do governo federal acerca da pandemia.

Leia mais: Bolsonaro sobe o tom e retruca Globo: “Mente porque perdeu BILHÕES em verbas publicitárias”

“O presidente está assumindo uma postura que reflete sentimentos ruins. Autocrata, que está querendo destroçar a democracia. É autoritário, truculento, inapto, inculto. Está ficando muito claro que essa pessoa é perigosa para a nação”, disse.

Com a informação: Pleno news