terça-feira, abril 20Notícias Importantes
Shadow

Associação das famílias do voo da Chapecoense comemora vitória na Justiça americana

Espalhe por ai:

A Justiça Americana deferiu o pedido de indenização das famílias das vítimas do acidente aéreo que matou 71 pessoas, em novembro de 2016, na Colômbia. O voo transportava a delegação da Chapecoense e jornalistas para Medellín, onde o time disputaria a final da Copa Sul-Americana contra o Atletico Nacional, e caiu quando fazia procedimento de aterrissagem.

A corte do Estado da Florida, nos Estados Unidos, onde a questão está sendo julgada, determinou uma indenização total de US$ 844 milhões – R$ 4,77 bilhões de acordo com a cotação atual.

Foram definidas indenizações para cada família de vítima ou sobrevivente. O processo inclui 40 dos 77 passageiros a bordo do voo da companhia LaMia, da Bolívia.

A decisão ocorreu em primeiro grau, o que significa que não haverá pagamento imediato. Mas já é considerada uma vitória para as vítimas, por nortear os julgamentos em instâncias superiores.

— A decisão homologa um acordo que abandonaram lá trás e abre brecha para que os créditos possam ser cobrados diretamente da seguradora e da resseguradora. Num primeiro momento, só beneficia as famílias que ingressaram com ação nos EUA. O que estamos tentando, não só para meus clientes, é para que, tanto na ação civil pública quanto na CPI, tenhamos a repercussão dessa decisão para que favoreça todas as outras famílias — afirmou  o advogado Marcel Camilo, que representa nove famílias de vítimas.

Os responsáveis pelos pagamentos das indenizações serão as seguradoras e resseguradoras que constam na apólice contratada pela LaMia: as companhias Aon, Bisa e Tokio Marine Klin. Todas elas têm representações nos EUA. Isso, mais a troca de e-mails dos envolvidos a respeito de compras de equipamentos e combustível em Miami, fizeram com que houvesse o entendimento de que seria possível abrir uma ação no país.

Espalhe por ai:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?