quinta-feira, junho 20Notícias Importantes
Shadow

Alimentos que podem ser armazenados para enfrentar momentos de dificuldade

Os tempos difíceis não são anunciados e nem se fazem esperar, é por isso que muitas vezes é melhor “prevenir do que lamentar”.

Erika Otero Romero

Estava na universidade quando ouvi a história que contarei hoje. Ela, até este momento, vive na minha cabeça como uma lição de vida.

Uma tarde, estávamos reunidos no café da universidade falando sobre os conflitos da humanidade; isto, dado que estávamos lendo um livro sobre a vida de Adolfo Hitler. Foi então que um colega de estudo nos disse que, quando vivia em Bogotá, conheceu uma idosa polonesa.

Ele nos contou mais ou menos como a mulher lhe havia relatado ser uma sobrevivente de um campo de concentração. A mulher mostrou-lhe a tatuagem típica de números com que, naquela época, marcavam os judeus. Ela contou-lhe coisas assustadoras, mas o que mais o surpreendeu foi o que ela lhe mostrou depois de ter um pouco mais de confiança.

Levou o meu colega para um quarto no segundo andar da casa dela e ali, diante dele, abriu a porta de um closet enorme que tinha. Segundo ele, esse armário tinha um fundo falso que ela abriu, e o que viu o deixou atônito: a mulher tinha guardado uma quantidade absurda de alimentos enlatados, arroz e outros não perecíveis para momentos de dificuldade.

Ele, surpreso com isso, perguntou a razão pela qual ela guardava tanta comida. Segundo ele, ela respondeu: “Nunca mais passarei fome como quando era criança”.

Advertisement

Nunca é demais 

Nunca se pensa que algo tão preocupante como uma guerra ou uma pandemia possa acontecer, mas acontece. O pior é que não estamos preparados para enfrentar esses acontecimentos.

A realidade é que também não existe uma cultura generalizada de poupança e armazenamento de alimentos e outros produtos de primeira necessidade. Apesar disso, cada dia se faz necessário que nos adensemos no tema, se quisermos evitar que nossa família e nós passemos dificuldades.

A realidade é que não é tão difícil nem tão sacrificado como parece. É verdade que muitas famílias não dispõem dos recursos necessários para armazenar alimentos ou produtos de higiene e limpeza; no entanto, também não é uma questão de guardar 10 itens de cada alimento não perecível de uma só vez. Um bom armazenamento pode ser feito de maneira paulatina, adequada e rotativa para evitar que o que se guarde se deteriore por efeito dos anos.

Forma adequada de armazenamento de alimentos

A primeira coisa que deve ter certeza é que o lugar onde você está armazenando os produtos seja fresco e ao mesmo tempo seco. Um canto debaixo de uma cama que dá para o pátio e por onde passa a umidade da parede exterior não vai servir.

Armazenamento de grãos e cereais

Escolha o lugar que quiser em sua casa, contanto que seja seco e fresco onde os insetos e outros animais não vão prejudicá-los.

Advertisement

Ao comprar alimentos como chocolate, sardinhas, atum, arroz e outros grãos e cereais, tenha sempre em mente procurar a data de produção e validade dos alimentos. Não compre ou guarde alimentos que têm uma data de validade muito próxima; você vai perder o que armazenar se não levar isso em conta.

Suponha que tenha para armazenar meio quilo de arroz, meio quilo de ervilha, de feijão e de grão de bico. Sendo alimentos secos ou cereais ou grãos, o que vai fazer é colocar cada um em recipientes herméticos de plástico ou vidro. Depois, você deve pôr em cada recipiente uma folha de louro; ou seja, guarda os quinhentos gramas de arroz no frasco de vidro e põe uma folha de louro, depois feche-o e guarde no lugar designado. Depois de embalado, coloque uma etiqueta com a data de armazenamento; isso com o objetivo de que possa fazer um rodízio, consumindo os mais antigos e substituindo os que vai consumindo. Dessa forma, você nunca terá comida vencida.

Com os alimentos enlatados (milho, molho de tomate, etc.) o que você vai fazer é apenas colocar a data de armazenamento e colocá-los na área reservada para eles.

Armazenamento de água potável

Com efeito, a água também pode ser reservada, só que ela vai durar, em bom estado, 3 meses, se seguir as instruções que serão dadas a seguir.

Tenha em mente que a água deve vir de uma fonte de água purificada para não ter que fervê-la; caso contrário, terá que ser submetida a purificação.

Advertisement

Já fervida ou pura o que deve fazer é colocá-la em recipientes resistentes, que não gotejam e inquebráveis. Considere o uso de garrafas de plástico que são normalmente usadas para sucos e refrigerantes. Lembre-se de que essas embalagens devem estar longe da luz do sol ou de fontes de calor.

Date esses recipientes para que, assim, possa também fazer o rodízio da água armazenada e ir renovando de tempos em tempos. Lembre-se que a água se deteriora se você não a armazenar corretamente.

Armazenamento de alimentos perecíveis

Com estes você tem que ter mais cuidado porque eles vão durar muito pouco tempo, mas também podem ser armazenados.

É possível picar e congelar cebola, cenoura, tomate, batata, mandioca, entre outros. O problema é que, se for um local sem luz, sua decomposição será mais rápida.

Para concluir, se você quiser saber mais sobre o assunto e sobre armazenar alimentos em longo prazo, tomo a liberdade de deixar o link para uma página que lida com o assunto com mais expertise do que eu. Garanto que vai livrá-lo de apuros, assim como está acontecendo comigo e com a minha família, neste momento.

Advertisement

Leia também: Finanças familiares saudáveis em meio a uma crise econômica global

Traduzido e adaptado por Stael Pedrosa do original Alimentos que se pueden almacenar para afrontar momentos de dificultad

Toma un momento para compartir …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?